Homem é baleado por policial e morre enquanto tentava cometer homicídio em São Francisco, diz PM

 

Um homem, de 26 anos, morreu ao ser baleado por um policial militar enquanto tentava cometer um homicídio em São Francisco, no Norte de Minas, neste domingo (31).

A polícia foi chamada após receber informações de que ele teria agredido brutalmente um homem, de 42 anos, e só não o teria matado porque o irmão da vítima, de 46, interveio.

Quando os policiais chegaram ao local, o suspeito estava afogando o irmão do homem dentro do Rio São Francisco tentando matá-lo asfixiado, enquanto o outro agredido estava inconsciente dentro de um barco, segundo a PM.

Conforme consta no boletim de ocorrência, não era possível chegar até o ponto do rio onde eles estavam e, por isso, os policiais se posicionaram às margens e advertiram o suspeito por várias vezes para que soltasse a vítima.

Em seguida, um militar efetuou um tiro e mesmo assim, o homem não largava o pescoço da vítima que estava desfalecendo. Ainda segundo o boletim de ocorrência, o suspeito só soltou a vítima ao ser atingido no tórax depois que a polícia disparou três vezes.

Populares ajudaram a puxar os envolvidos até às margens do rio e o suspeito foi socorrido pelos militares e morreu no hospital de São Francisco.

Os dois irmãos também foram socorridos e levados para o mesmo hospital e em seguida, foram transferidas para Montes Claros. A PM informou que a vítima, que estava inconsciente no barco, tinha lesões graves pelo corpo.

O que diz a PM

O g1 procurou a Polícia Militar que informou por meio de nota que "um dos militares deu várias e sucessivas vozes de advertência, ordenando ao autor que soltasse a vítima, o que não foi acatado. Com intuito de preservar a vida da vítima, em ação legítima, o militar efetuou um disparo de arma de fogo e, mesmo assim, o autor não abandonou o pescoço da vítima, que já estava a desfalecer, apenas soltando-a após o terceiro disparo."

A PM destacou ainda que os envolvidos foram retirados da água e os policiais prestaram socorro e acionaram socorro médico.

"A Polícia Militar tomou todas as providências de Polícia Judiciária em relação à atuação dos policiais envolvidos e, o procedimento interno será encaminhado à Justiça Militar para futuras providências."

Por G1 grande minas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FAMÍLIA DE ITACARAMBI RECONHECE O CORPO ENCONTRADO NO RIO SÃO FRANCISCO EM JAÍBA NO NORTE DE MINAS

Dois homicídios na mesma noite agita a cidade de Itacarambi-MG.