Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra investigado por tentar matar ex-padrasto em Porteirinha

 

A Polícia Civil cumpriu um mandado de prisão preventiva contra um homem, de 32 anos, investigado por tentativa de homicídio em Porteirinha, no Norte de Minas.

O crime ocorreu no dia 13 de março no Centro da cidade. Na época, a PM informou ao g1 que a vítima, um homem, de 47 anos, era albergado e estava saindo para o trabalho, quando 

As investigações da Polícia Civil apontaram que o atirador estava em um carro com um comparsa.

“Foi instaurado inquérito policial para apurar o crime, sendo verificado que, antes dos disparos, o investigado e o comparsa utilizaram um veículo para se aproximar da vítima. Na sequência, um deles desembarcou do automóvel e efetuou disparos na região da cabeça do homem, que ficou caído no chão. [...] A vítima foi socorrida, permaneceu internada e sobreviveu”, informou a PC por meio de nota.

Segundo a polícia, o crime foi motivado por vingança porque a vítima teria ateado fogo na casa da mãe do suspeito, em 2021.

Além do mandado de prisão, a PC também cumpriu mandados de busca e apreensão nas residências do suspeito de efetuar os disparos e do comparsa.

O inquérito que investiga o caso está em andamento e os levantamentos continuam. O homem foi levado para o sistema prisional e está à disposição da Justiça.

Por G1 Grande Minas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carro invade contramão, bate contra ônibus, mata três pessoas e fica destruído na BR-070, diz PRF, AS DUAS VÍTIMAS FATAIS SÃO DA CIDADE DE ITACARAMBI

Mulher sente falta do ex-marido, aciona a PM e homem é encontrado morto dentro de casa em MG