Nível do Rio São Francisco sobe, alaga casas e famílias ribeirinhas são retiradas

 

Famílias ribeirinhas que vivem às margens do Rio São Francisco estão sendo retiradas das casas após a elevação do nível do rio com as chuvas que atingem o Norte de Minas. Não há feridos e nem desabrigados.

Em São Francisco, cerca de 46 famílias já deixaram as casas e estão em residências de parentes. Elas viviam nas comunidades de Recanto da Tapera, Assentamento São Francisco e Ilha das Porteiras.

“A água já invadiu todas as casas na Ilha das Porteiras e ameaça atingir nessas outras comunidades. Por isso, as famílias estão sendo retiradas por questão de segurança. Algumas saíram por conta própria e outras foram retiradas pela Defesa Civil. O nível do rio está 8,80 m acima dEm Januária, a situação também é de alerta. Segundo o chefe da Defesa Civil, Jeferson dos Santos Cardoso quatro famílias já foram retiradas da comunidade de Croatá e estão em casas de parentes e em um abrigo da prefeitura.

“Hoje [segunda], o nível do rio está 8,46 m acima do normal e há risco de que outras comunidades ribeirinhas possam ser atingidas. A Defesa Civil está monitorando a situação e orientando os moradores”.

o normal”, explicou o chefe da Defesa Civil Romenig Barbosa.

m Pirapora, a água já invadiu casas nas Ilhas do Coqueiro, Marambia e Pimentas no final de semana. A coordenadora da Defesa Civil Carla Diana Souza informou ao g1 que as famílias que moram na parte baixa dessas ilhas já tinham sido avisadas e deixaram os locais antes do alagamento.

“No total, são 332 moradores e a maioria já saiu. Quem mora na parte alta permanece no local, mas hoje [segunda] iremos reunir com eles para orientar que evacue as ilhas para garantir a segurança de todos”.

Ainda de acordo com a coordenadora, a maioria das famílias que vive nas ilhas tem casa na área urbana. Elas estão voltando para estas residências ou indo para casas de parentes.

FONTE G1 GRANDE MINAS







Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FAMÍLIA DE ITACARAMBI RECONHECE O CORPO ENCONTRADO NO RIO SÃO FRANCISCO EM JAÍBA NO NORTE DE MINAS

Dois homicídios na mesma noite agita a cidade de Itacarambi-MG.