Tragédia familiar em Minas Gerais: menino de 8 anos é morto por disparo acidental de irmã

 


Em São Sebastião do Anta, Minas Gerais, um menino de 8 anos perdeu a vida após ser atingido na cabeça por um tiro acidental disparado por sua irmã, de 13 anos. O trágico incidente aconteceu nesta quinta-feira (21), nos fundos de um bar, situado na região central da cidade. De acordo com as informações da polícia, o evento ocorreu quando as crianças brincavam com o revólver do padrasto, acreditando que a arma estava descarregada. O proprietário da arma, de 41 anos, está foragido e é procurado pelas autoridades.

Detalhes do Incidente

O menino foi rapidamente levado para o hospital de Inhapim, porém, infelizmente, chegou sem vida. A Polícia Militar, alertada por funcionários do posto de saúde, dirigiu-se ao local do acidente. Testemunhas relataram que, ao ouvirem o disparo, correram para a casa, encontrando o menino ferido e a irmã tentando conter o sangramento.

Declarações e Ações Subsequentes

Uma testemunha informou que o padrasto das crianças também deixou o local em uma motocicleta logo após o incidente. Inicialmente, pensava-se que ele procuraria ajuda, mas ele não retornou. O Conselho Tutelar foi acionado para prestar assistência à adolescente envolvida no ocorrido.

A menina declarou à polícia que o padrasto havia retirado toda a munição da arma antes de permitir que ela brincasse com o revólver. Ela expressou sua crença de que a arma estava descarregada e sua intenção não era de ferir o irmão.

A mãe das crianças, de 33 anos, testemunhou que viu o momento em que o companheiro entregou a arma à filha. Ela tentou intervir, sem sucesso, e suspeita que uma bala tenha sido esquecida no revólver.

Investigação em Andamento

A Polícia Militar realizou buscas na residência, mas não encontrou a arma. Há suspeitas de que o padrasto a tenha levado consigo na fuga. Documentos da moto usada na fuga e uma cápsula de munição calibre 32 foram apreendidos no local.

As autoridades continuam as buscas pelo padrasto, que pode enfrentar acusações de homicídio, posse ilegal de arma e omissão de cautela.

Por g1 grande minas

 

Comentários

  1. Como que dá uma arma para uma criança brincar, é um sem noção mesmo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Carro invade contramão, bate contra ônibus, mata três pessoas e fica destruído na BR-070, diz PRF, AS DUAS VÍTIMAS FATAIS SÃO DA CIDADE DE ITACARAMBI

Eleições em Itacarambi (MG): Veja como foi a votação no 2º turno