Foragido ameaça policiais com simulacro de arma e é morto com um tiro, em Pedras de Maria da Cruz

 

Um foragido da Justiça morreu após ser baleado durante uma abordagem policial em Pedras de Maria da Cruz, no Norte de Minas, neste domingo (8).

Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Militar, o homem foi visto transitando em uma motocicleta pela Avenida Maria José Leão e fugiu em alta velocidade, ao perceber a presença dos policiais.

O suspeito desobedeceu às ordens de parada e durante a perseguição, os militares perceberam que ele estava com uma arma na cintura. De acordo com a PM, após percorrer várias ruas, o homem caiu da motocicleta e sacou a arma. Foi dada ordem para que o suspeito largasse a arma, mas ele desobedeceu e um dos policiais atirou, segundo a ocorrência.

Posteriormente, foi constatado que se tratava de um simulacro de arma de fogo. O homem foi socorrido pela PM e levado para o hospital de Pedras de Maria da Cruz, mas não havia médico de plantão e os policiais se deslocaram para o hospital de Januária. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu após receber atendimento médico.

Ainda de acordo com a PM, no momento do registro da ocorrência, o suspeito não havia sido identificado, mas após a constatação do óbito um familiar entrou em contato com o hospital repassando os dados pessoais dele. Ao ser consultado o sistema informatizado, a PM constatou que o homem estava com um mandado de prisão em aberto expedido pela Justiça do Distrito Federal por latrocínio, com condenação a 25 anos de prisão

Em nota, a Polícia Militar informou que os policiais envolvidos na ocorrência foram conduzidospara o 30° Batalhão em Januária para providências da Polícia Judiciária Militar cabíveis.

POR G1 GRANDE MINAS

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mãe procura PM após receber imagens de filho sendo agredido com pauladas em Itacarambi