RADIO PORTAL DE ITACARAMBI

Policiais seguem taxista e rapaz com 7 mandados de prisão é detido em Januária

Wellington estava foragido da Justiça há mais um ano (Foto: Michelly Oda / G1)
Um rapaz, de 22 anos, com sete mandados de prisão em aberto por homicídio e tráfico de drogas, foi localizado em Januária (MG). Uma equipe de investigadores da Polícia Civil de Montes Claros(MG) conseguiu encontrá-lo nesta terça-feira (24), depois de seguir um taxista que estava levando celulares para ele. Wellington Oliveira estava foragido da Justiça há mais de um ano.“Ele é contumaz na prática de crimes violentos, quando adolescente foi internado por um homicídio, já maior de idade foi preso por tráfico de drogas. Isso já denota a personalidade violenta dele, que também rivalizava com comparsas e desafetos”, fala o delegado Bruno Rezende, que responde pelas Delegacias de Homicídios, Antidrogas e de Inteligência. Segundo ele, Wellington Oliveira foi internado quando tinha 16 anos. Para cometer o homicídio, ele rendeu a vítima após fingir ser policial.O delegado explica que o jovem traficava na região dos Bairros Morrinhos e Doutor João Alves. Ele é investigado em três homicídios cometidos em 2015, no Santa Rita, Maria Cândida e Doutor João Alves. Todos, de acordo com a PC, motivados por disputa por pontos de venda de drogas. O envolvimento dele em outros crimes está sendo apurado.
Delegado afirma que rapaz é líder do tráfico nos Bairros Morrinhos e Dr. João Alves (Foto: Michelly Oda / G1)
Delegado afirma que rapaz é líder do tráfico nos
Bairros Morrinhos e Dr. João Alves
(Foto: Michelly Oda / G1)
“Esta é uma das principais prisões de 2015, tem efetiva desarticulação no tráfico, repercute no comércio de drogas, inviabiliza a atuação dos criminosos e é fundamental para evitar que outros crimes, como os homicídios, não ocorram”, diz destaca Bruno Rezende.
Crime no cemitério
Por meio das interceptações , os policiais conseguiram evitar dois assassinatos, um deles seria cometido dentro de um cemitério de Montes Claros. O delegado Bruno Rezende explica que nas conversas autorizadas pela Justiça foi possível identificar também que o lugar estava sendo usado para esconder drogas e armas.O outro homicídio seria cometido nas imediações do Bairros de Lurdes e Cintra. Uma equipe de investigadores foi ao local e chegou a perseguir os suspeitos, que estavam dentro de um carro.“Além dos crimes, nas interceptações, verificamos que ele fazia ameaças aos investigadores da Delegacia de Homicídios e aos policiais militares do Grupo de Proteção à Vida”, destaca Bruno Rezende.

Comentários

NOTÍCIAS EM DESTAQUE DA SEMANA

ÍNDICE DE SUICÍDIO DEIXA POPULAÇÃO DE ITACARAMBI ASSUSTADA.

Bebê encontrado em banheiro de hospital em Janaúba morreu afogado em vaso sanitário, aponta inquérito da Polícia Civil

O CÉU DE ITACARAMBI FICA BONITO COM REVOADAS DE POMBOS-CORREIOS.

Programa ACESSUAS TRABALHO de Itacarambi se destaca na comunidade e começa a mostrar frutos e criar rede de parcerias!