Professora é agredida por mãe de aluna na porta da escola no interior de Minas

(foto: Reprodução da internet)
A onda de violência contra educadores em Minas Gerais ganhou mais um capítulo. Uma professora foi agredida com socos, chutes e puxões de cabelo, na manhã desta quarta-feira, pela mãe de uma aluna, quando saía da escola onde leciona em Franciscópolis, na Região do Vale do Jequitinhonha. Um vídeo mostrando a agressão circula pelas redes sociais e tem causado revolta.
Há relatos de que a mãe da aluna teria agredido a professora depois de a educadora ter chamado a atenção de sua filha por não ter feito o dever de casa. A mãe da aluna chegou a ser atendida pela direção da escola, mas, inconformada, cercou a professora na saída da escola, a ofendeu com palavras de baixo calão e a agrediu fisicamente.
O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais emitiu uma nota lamentando o ocorrido: “O Sind-UTE repudia toda ação contrária aos servidores da educação e conclama a todos que fazem parte da comunidade escolar, que optem pela paz e a tranquilidade.” O Sind-UTE afirmou também que está disponibilizando todo o acompanhamento jurídico a servidora e a escola.
A reportagem tentou conversar com a mãe da aluna, mas não conseguiu localizá-la.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Governo Federal anuncia que vai asfaltar trecho da BR 135 entre Itacarambi, São João das Missões e Manga

Família morta em acidente no Vale do Jequitinhonha é enterrada em Paulínia

FALECEU NO INÍCIO DESTA NOITE EM BRASÍLIA-DF O PREFEITO ZÉ GALEGO DE BONITO DE MINAS,

PREFEITA DE ITACARAMBI SOLTA NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DO AMIGO ZÉ GALEGO PREFEITO DE BONITO DE MINAS

Mulher é agredida e mantida em cárcere privado pelo namorado em Montalvânia