DIA DE FINADOS EM ITACARAMBI: MESMO COM CHUVA MORADORES VISITAM OS DOIS CEMITÉRIOS

A imagem pode conter: céu e atividades ao ar livre
O Dia de Finados em Itacarambi foi bem movimentado na parte da tarde, porque na manhã caiu uma chuva que impediu centenas de pessoas a visitarem os dois cemitérios da cidade. No cemitério Parque da Harmonia várias famílias visitaram os túmulos dos entes queridos e depositaram flores, coroas e acenderam velas.
O movimento aumentou no período da tarde, quando houve uma estiagem, mas mesmo assim uma garoa fina continuava caindo, mas não impediu os familiares irem aos cemitérios.
No cemitério Parque da Harmonia, o movimento foi muito grande. Uma pessoa que não quis se identificar falou para nossa imprensa, que este ano o cemitério está bem limpo e parabenizou a prefeitura pela organização.
No Bom Fim, o cemitério mais antigo da cidade, as visitas se intensificaram também no período da tarde. O jovem Leandro e a esposa Sueli disseram que tem que visitar os dois, porque tem muitos parentes enterrados.
HISTÓRIA DO DIA DE FINADOS
O Dia de Finados é o dia da celebração da vida eterna das pessoas queridas que já faleceram. É o Dia do Amor, porque amar é sentir que o outro não morrerá nunca.
É celebrar essa vida eterna que não vai terminar nunca. Pois, a vida cristã é viver em comunhão íntima com Deus, agora e para sempre.
Desde o século 1º, os cristãos rezam pelos falecidos; costumavam visitar os túmulos dos mártires nas catacumbas para rezar pelos que morreram sem martírio. No século 4º, já encontramos a Memória dos Mortos na celebração da missa. Desde o século 5º, a Igreja dedica um dia por ano para rezar por todos os mortos, pelos quais ninguém rezava e dos qual ninguém se lembrava.
Desde o século XI, os Papas Silvestre II (1009), João XVIII (1009) e Leão IX (1015) obrigam a comunidade há dedicar um dia por ano aos mortos.
 
Desde o século XIII, esse dia anual por todos os mortos é comemorado no dia 2 de novembro, porque no dia 1º de novembro é a festa de "Todos os Santos".
O Dia de Todos os Santos celebra todos os que morreram em estado de graça e não foram canonizados. O Dia de Todos os Mortos celebra todos os que morreram e não são lembrados na oração.
Ascom da PMI –Vailton Ferreira – Rildo Madureira
A imagem pode conter: pessoas em pé, céu e atividades ao ar livre
A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé, céu e atividades ao ar livre
 O CASAL, LEANDRO E ESPOSA SUELI VISITANDO O BOM FIM
A imagem pode conter: atividades ao ar livre
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, planta e atividades ao ar livre
A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé, árvore e atividades ao ar livre




Comentários