Adolescente é assassinada no Vale do Jequitinhonha após anunciar gravidez para parceiro


Uma adolescente de 17 anos foi assassinada em Jordânia, no Vale do Jequitinhonha, nesse sábado (24/11/2018). De acordo com a Polícia Militar (PM), a jovem foi agredida e esfaqueada após anunciar que estava grávida ao pai do bebê. A polícia informou que, apesar de não serem namorados, os dois mantinham um relacionamento há cerca de seis meses. Na tarde desse sábado, Janielly Silva Israel foi até o lava jato, localizado na Rua João Ribeiro de Faria, no Centro da cidade, onde os dois mantiveram relação sexual.
Segundo militares, a vítima contou para o suspeito, Guilherme Carinhanha da Silva, de 25 anos, que estava grávida de três meses, mas ele se revoltou e passou a agredir a moça com uma cadeira. O homem pegou ainda uma faca e desferiu um golpe no pescoço da vítima. Ela morreu no local e foi encontrada nua.
A PM foi acionada e conseguiu prender o suspeito em flagrante. Ele foi levado para a Delegacia de Almenara junto com a faca usada no crime. Guilherme Carinhanha já tinha sido preso, no ano de 2016, por tentativa de homicídio. O caso será investigado pela Polícia Civil.(aconteceunovale.com.br)


Comentários