Autoridades de saúde monitoram caso suspeito de coronavírus em Curvelo


Segundo a secretária municipal de saúde, o paciente é um homem de 47 anos que voltou recentemente da Alemanha. Na última terça-feira (10), ele procurou atendimento ao apresentar febre, tosse e dificuldades para respirar.
O município notificou o caso ao Governo de MG, já que ele estava com esses sintomas e havia retornado do exterior. O homem passou por exames, que já foram enviados a Fundação Ezequiel Dias, em Belo Horizonte. O prazo para o resultado é de sete dias. O paciente está isolado em casa e permanece sob supervisão das autoridades de saúde.
“Nesta quinta-feira (12) uma equipe médica esteve na casa do paciente e ele apresenta melhora dos sintomas. A Secretaria tem dado todo suporte necessário e ele permanece isolado até a liberação do resultado”, declara Rejane Valgas, secretaria Municipal de Saúde.
Caso duplicado
Consta no boletim divulgado pelo Governo de MG que Curvelo tem dois casos suspeitos de coronavírus, mas a secretária informou que o mesmo caso foi publicado duas vezes, já que uma enfermeira fez a notificação, mas não sabia que um médico já havia feito.
Casos em MG
Subiu para 260 os casos suspeitos do novo coronavírus, o Covid-19, em Minas Gerais. Um caso foi confirmado e outros 18 foram descartados. A paciente é de Divinópolis, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais, que viajou para a Itália, onde há um surto da doença.
Já o Ministério da Saúde diz que são 117 os casos suspeitos. A diferença, segundo a SES, se deve "ao processo de avaliação que é dinâmico e ao horário diário de fechamento de dados".
Casos no Brasil
Governo diz que lista oficial de casos confirmados tem 60 infectados até a manhã desta quinta, mas ainda falta contabilizar outros pacientes já confirmados pelos estados.
O Ministério da Saúde publicou uma portaria que define como serão feitos o isolamento e a quarentena para enfrentar a pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2), causador da doença Covid-19.
O texto prevê que agentes de vigilância podem recomendar o isolamento para pessoas que tiveram contato próximo com alguém infectado enquanto o caso delas estiver sendo investigado.
Ainda sobre os profissionais de saúde, o Governo anunciado nesta manhã a contratação de 5,8 mil médicos para atender a demanda que deve ser gerada pelo novo coronavírus. A contratação deverá ocorrer até 7 de abril.
No Rio de Janeiro, o secretário de Saúde do estado, Edmar Santos, anunciou, na manhã desta quinta-feira (12), o primeiro caso de transmissão local do coronavírus.
“Tivemos ontem a confirmação do exame de contraprova pela Fiocruz que faz com que o Rio de Janeiro tenha tido o primeiro caso de transmissão local do vírus”, disse Santos durante entrevista ao Bom Dia Rio.
G1 GRANDE MINAS
Coronavírus: infográfico mostra principais formas de transmissão e sintomas da doença — Foto: Infografia/G1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TRAGÉDIA NA BR 135 EM ITACARAMBI, DUAS VÍTIMAS FATAIS.

DOIS HOMICIDIOS EM MENOS DE 24 HORAS EM ITACARAMBI.

HOMICÍDIO EM ITACARAMBI NA QUARTA-FEIRA DE CINZA