Vereador de Bocaiuva é detido por injúria racial após discussão na Câmara


Resultado de imagem para foto plantao policia
Um vereador da cidade de Bocaiuva foi detido na noite desta segunda-feira (22) por injúria racial contra outro vereador do município. De acordo com o boletim de ocorrência, os dois legisladores, Oldair Evangelista dos Santos (PT do B) e Isaías Alves da Cruz (PSDC), começaram o conflito dentro da Câmara Municipal, mas seguiu até a rua.
A vítima, Oldair Evangelista, afirmou aos policiais militares que o vereador Isaías estava muito exaltado e o chamou de "cara de macaco".
O vereador Isaías afirmou aos militares que a discussão se iniciou por motivos políticos. Ele negou as ofensas de cunho racista e disse ter chamado o colega de "Cara de pau".
A vítima e o autor foram encaminhados à delegacia de Montes Claros para prestarem esclarecimentos. Segundo a Polícia Civil, o vereador Isaías Alves da Cruz pagou fiança no valor de R$ 2 mil e foi liberado.
G1 não conseguiu falar com os vereadores envolvidos. Na manhã desta terça-feira (23) a Câmara de Vereadores de Bocaiuva confirmou, em nota, o desentendimento entre os dois vereadores. Ainda na nota, a Câmara afirma que a "confusão foi um fato isolado entre os dois e não tem relação com os trabalhos do legislativo".(G1 GRANDE MINAS)


Comentários