Mais três pessoas testam positivo para Covid-19 em Lontra; elas são da mesma família do primeiro caso confirmado

Uso de máscara é obrigatória em Lontra e comércios não essenciais serão fechados — Foto: Ricardo Pereira da Silva/ Arquivo pessoal

A Prefeitura de Lontra confirmou que mais três pessoas testaram positivo para coronavírus. Os pacientes são da mesma família do idoso, de 67 anos, que foi o primeiro caso confirmado no município.

De acordo com o Prefeito Dernival Mendes dos Reis, elas estão assintomáticas e fizeram testes rápidos. As idades não foram divulgadas, mas os pacientes são jovens com menos de 25 anos.

“Já testamos todos os familiares próximos e somente esses três deram positivo. De qualquer forma, todos foram orientados a permanecerem em isolamento domiciliar”.

Morador de Lontra testa positivo e é internado em Brasília de Minas

O idoso está internado no Hospital Senhora Sant’ana, em Brasília de Minas. Na sexta, a diretoria da unidade informou que ele precisou ser entubado e estava em estado grave. O quadro de saúde dele permanece sem alteração neste sábado.

O município notificou 31 casos suspeitos e 27 foram descartados.

A Prefeitura de Lontra confirmou que mais três pessoas testaram positivo para coronavírus. Os pacientes são da mesma família do idoso, de 67 anos, que foi o primeiro caso confirmado no município.

De acordo com o Prefeito Dernival Mendes dos Reis, elas estão assintomáticas e fizeram testes rápidos. As idades não foram divulgadas, mas os pacientes são jovens com menos de 25 anos.

“Já testamos todos os familiares próximos e somente esses três deram positivo. De qualquer forma, todos foram orientados a permanecerem em isolamento domiciliar”.

Morador de Lontra testa positivo e é internado em Brasília de Minas

O idoso está internado no Hospital Senhora Sant’ana, em Brasília de Minas. Na sexta, a diretoria da unidade informou que ele precisou ser entubado e estava em estado grave. O quadro de saúde dele permanece sem alteração neste sábado.

O município notificou 31 casos suspeitos e 27 foram descartados.

“O objetivo é evitar a circulação das pessoas nas ruas. As farmácias, supermercados, casa lotérica, padarias e açougues vão poder funcionar, mas não pode haver aglomeração de pessoas nesses locais. O comerciante que permitir aglomeração pode ser multado em até R$ 2 mil e ter o alvará de funcionamento suspenso”.

O Prefeito destacou ainda que o uso de máscaras é obrigatório na cidade e o morador que descumprir, pode ser multado de R$ 50 a R$ 500.

G1 GRANDE MINAS


Comentários