Algumas Prefeituras do Norte de Minas decidem suspender transporte escolar



Alguns municípios do Norte de Minas deliberaram nesta semana decretos de paralização no transporte escolar dos alunos da rede municipal e estadual. As Prefeituras soltaram alguns informes, comunicando aos alunos, pais e população em geral, que devido o Governo do Estado de Minas Gerais, Não ter repassado as parcelas de Transporte Escolar em 2018, que é de total responsabilidade do Governo.
A paralização dos transportes escolares começarão no inicio do mês de julho, os municípios sofrerão com o descaso do Governo do Estado. As Prefeituras que resolveram paralisar o transporte escolar: Prefeitura de Mato Verde, Prefeitura Municipal de Serranópolis de Minas, Prefeitura Municipal de Riacho dos Machados. Prefeitura Municipal de Porteirinha, Prefeitura Municipal de Cristália, Santo Antônio do Jacinto  e outras, que ainda estão estudando a paralização.
PREFEITURA DE VARZELÂNDIA VAI PARCELAR OS SALÁRIOS DA EDUCAÇÃO EM TRÊS VEZES.
A prefeitura de Varzelândia foi mais a frente, resolveu manifestar de outra forma, considerando a queda no repasse do FPM-Fundo de Participação dos Municípios e considerando a retenção pelo Governo do Estado dos recursos do ICMS, do IPVA, do FUNDEB, do Transporte Escolar e da Saúde em casa, devidos ao Município. E devido à falta dos recursos, a folha de pagamento da Secretaria Municipal de Educação referente o mês de junho/2018 será paga em três parcelas com inicio em 11/07/2018.
A Prefeitura de Itacarambi, por enquanto continua com os serviços administrativos sem nenhuma alteração, mas estará reunindo nesta segunda-feira (02/07) com o setor Financeiro para ver como ficará daqui para frente.
Enquanto isso, o Governo de Minas continua arrochar os repasses dos recursos. Deixando uma lacuna de muita miséria. A Dívida do Estado com Itacarambi chega aos R$ 2.943.472,69 (DOIS MILHÕES NOVECENTOS E QUARENTA E TRÊS MIL E QUATROCENTOS E SETENTA E DOIS REAIS E SESSENTA E NOVE CENTAVOS)
Por Vailton Ferreira

Comentários