Prefeitura de Januária investiga morte de mulher, de 47 anos, por suspeita de coronavírus

A Prefeitura de Januária investiga a morte de uma mulher, de 47 anos, por suspeita da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, ela deu entrada no hospital nesse domingo (29) com crise de hipertensão e edema pulmonar, e apresentou falta de ar. A mulher morreu pouco tempo depois de receber atendimento.
Foi feita a coleta de material que será enviado para a Fundação Ezequiel Dias, em Belo Horizonte. O caso ainda não foi notificado pela Secretaria Estadual de Saúde e nem pelo Ministério da Saúde. O município não repassou mais informações sobre a paciente.
De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, 19 casos suspeitos estão sendo investigados em Januária e quatro foram descartados. No boletim do Estado, constam 20 casos suspeitos.
Números em Minas
Em Minas, são 231 casos confirmados e 20 mortes estão sendo investigadas. A primeira morte no Estado foi confirmada nesse domingo (29). Trata-se de uma mulher idosa que estava internada no Hospital Biocor, em Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte.
Pelas redes sociais, a nora da idosa fez um apelo para que os governantes e a sociedade entendam a importância do isolamento social

Comentários