Pular para o conteúdo principal

Justiça Eleitoral cassa mandatos de prefeita e vice de Pirapora

Por G1 Grande Minas
A Justiça Eleitora de Pirapora, no Norte de Minas, cassou nesta quarta-feira (21) os mandatos da prefeita Marcella Machado Ribas Fonseca (PSD) e do vice-prefeito, Orlando Pereira de Lima (DEM). A decisão foi baseada em uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) e em uma Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (Aime), propostas pela coligação "Mãos Limpas", que foi derrotada no pleito de 2016; a decisão cabe recurso.
As ações alegam que a prefeita e o vice incorreram em abuso de poder midiático, corrupção e fraude. De acordo com a decisão do juiz Espagner Wallysen Vaz Leite, um laudo pericial deixou claro que "houve manipulação de tempo nas inserções da propaganda eleitoral gratuita na programação" de uma rádio local, pertencente ao grupo familiar da prefeita Marcella Ribas.
Os laudos, de acordo com a decisão, apontam que o tempo total de veiculação do programa eleitoral dos investigados foi superior em mais de 48 minutos do que é permitido por lei; em média, a coligação tinha 1 minuto e 41 segundos a mais por dia de programa eleitoral. Já o tempo total de programa da coligação concorrente foi menor em cerca de 5 horas e 54 minutos.
Para a Justiça, o lançamento de Warmillon Braga como candidato a prefeito, mesmo ele estando inelegível, para depois ser substituído pela esposa Marcella Ribas foi uma estratégia de mídia. Segundo o juiz, "até então, Marcella Ribas não tinha nenhuma visibilidade política, tanto que durante a campanha seu nome era sempre vinculado ao do marido".
Na decisão, o juiz declarou a inelegibilidade de Marcella Ribas e Orlando Lima pelo prazo de oito anos, a partir da data da eleição, em 2016.
O que diz a defesa
O advogado Fidelis Moraes, que defende a prefeita e o vice neste processo, afirmou que já tomou conhecimento da sentença. Ele diz estar confiante em reverter a decisão do juiz local, já que uma das ações foi julgada improcedente e a outra parcialmente procedente.
"Esta decisão deve ser publicada nesta quinta-feira (22), mas já estamos cientes e trabalhando para recorrer junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Apesar de discordar desta decisão, nós a respeitamos, mas acreditamos que iremos revertê-la no TRE. Temos a plena convicção de que a prefeita Marcella trabalhou corretamente durante a campanha eleitoral".



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ACIDENTE NA BR 135 NA COMUNIDADE DO FABIÃO2 EM ITACARAMBI DEIXA CASAL FERIDOS.

fotos whatsap Um acidente de carro envolvendo um veículo   de passeio e um caminhão aconteceu agora a tarde na BR 135 entre a comunidade do Fabião 2 e Itacarambi. No acidente ficou ferido um casal. O motorista do carro, foi removido num helicóptero para Hospital de Montes Claros. A moça ficou ferida mas não corre risco de morte. Aguardem outras informações. Por JPI

Pesquisadores tentam identificar animal encontrado morto em praia da Espanha

Especialistas da fauna marina estão trabalhando para identificar a carcaça de um animal encontrado em agosto, em uma praia de Almería, na Espanha. A criatura tem chifres e mede entre quatro e cinco metros de comprimento. De acordo com autoridades locais, o animal estava em estado de decomposição avançado, o que vem dificultando a identificação. As informações sobre a criatura foram compartilhadas com vários especialistas para tentar fazer a identificação.(r7)

Menores são detidos com moto roubada em Itacarambi; vítima foi encontrada ferida no sofá de casa

  Dois adolescentes, de 13 e 14 anos, foram apreendidos por ato infracional análogo ao crime de roubo em Itacarambi (MG) nesta quinta-feira (5). Segundo a Polícia Militar, a vítima do roubo é um homem, que foi encontrado dentro de casa com ferimentos graves, deitado no sofá. A PM foi chamada por guardas noturnos que suspeitaram dos menores ao se depararem com uma moto abandonada perto de onde eles estavam. Ao serem questionados, os jovens disseram que estavam fugindo de uma pessoa que teria abandonado o veículo após persegui-los. Os policiais fizeram a consulta da placa e descobriram que a moto não tinha queixa de roubo/furto e pertencia a um morador do Centro. Os adolescentes confirmaram que pegaram o veículo e disseram ainda que estavam na casa do homem e o agrediram com tijoladas na cabeça porque ele teria tentado abusar sexualmente deles. O celular da vítima também estava com eles. Em seguida, os militares foram até a residência do homem, onde o encontraram ferido no sofá. Al