Itacarambi investe em educação infantil


A secretária Municipal Educação, ZILENE SEIXAS, ressalta que educação é prioridade no município. “A prefeitura tem a educação realmente como prioridade. Aplicamos acima dos limites constitucionais para poder atender as demandas de serviços de educação que são crescentes no município.”
Desde o início da gestão, a Administração Municipal tem investindo em educação de qualidade, com distribuição gratuita de material e uniforme escolar, merenda de qualidade e capacitação dos professores.
Mesmo sem os repasses do FUNDEB, do governo do Estado, a prefeitura vem fazendo o possível para atender os alunos da Educação Infantil, uma das áreas da Rede Municipal de Ensino, que a nova Gestão, tem se dedicado muito, com a qualidade de ensino, mantendo as crianças seguras e bem assistidas.
Com o remanejamento dos alunos da Escola Municipal Adélia Seixas e da CEMEI SOSSEGO DA MAMÃE, ambas estavam locada no prédio do CAIC, que na semana passada sofreu interdição pelo Corpo de Bombeiros. A prefeitura e a Secretaria Municipal de Educação se prontificaram em remanejar os alunos para algumas escolas da cidade. A CEMEI Sossego da Mamãe, os alunos foram remanejados para o prédio da Escola Amilca do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) cedido pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. Um lugar apropriado temporariamente para os 180 alunos do Sossego da Mamãe.
Nossa reportagem esteve no local e registrou tudo.
Na manhã desta terça-feira (13) nossa reportagem teve a oportunidade de conversar com a dona de casa Nilva da Silva, 28 anos, tem dois filhos estudando em duas creches em turno integral. Ela é moradora do Bairro Nossa Senhora de Fátima e destaca a importância dos filhos conseguirem estudar perto de casa. “Aqui são 800 meros de casa, para mim ficou muito melhor”, destaca. Uma das coisas importantes para ela é a distribuição de material e uniforme escolar. “É muito bom, a gente não precisa gastar com nada. Eles recebem tudo do município. E sempre que a gente precisa os pessoal (professores e diretores) estão aqui para nos ouvirem. Isso para nós é muito importante”, finalizou.
Por Vailton Ferreira























Comentários