RADIO PORTAL DE ITACARAMBI

PREFEITURA DE ITACARAMBI ENTRA COM AÇÃO DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA CONTRA O EX- GESTOR RAMON CAMPOS EM FUNÇÃO DE INFORMAÇÕES INCONSISTENTES E IRREAIS AO SIOPE


A prefeitura de Itacarambi utiliza de todos os meios administrativos e judiciais para resolver uma situação inconsistente deixada pela administração anterior, durante o processo de envio do 6º bimestre de 2017 do SIOPE do Município de Itacarambi, a Prefeitura Municipal se deparou com uma grave informação de inconsistência no sistema do SIOPE o que provocou uma situação de extrema preocupação para a Secretaria Municipal de Educação e Prefeitura Municipal de Itacarambi.
O erro mais grave foi o sistema informar que o saldo de 31/12/2016 não era compatível com o saldo real de 01/01/2017. Ao verificar as inconsistências, a equipe responsável pela transmissão do SIOPE constatou que o saldo informado do FUNDEB pelo Ex-Prefeito Ramon Campos Cardoso foi de R$1.375.160,9, 2porém o saldo encontrado pela atual administração na conta do FUNDEB foi de R$257.978,03, informou ainda que o Saldo da conta QESE em 31/12/2016 foi R$201.429,43 enquanto a Administração atual encontrou no extrato bancário R$30.283,22. As informações irreais repassadas pelo senhor Ramon, provocou inconsistência de saldos, em função de a Administração atual informar os reais saldos encontrados, o que provocou um grave erro de inconsistências que levou o Município de Itacarambi a ficar inadimplente junto ao SIOPE. 
Diante dessa problemática toda, a Prefeitura de Itacarambi entrou com Ação de Improbidade Administrativa nº 1000079-35.2018.4.01.3825, ajuizada pelo Município de Itacarambi/MG em face de Ramon Campos Cardoso.
O ajuizamento da lide deu-se sob a alegação de lançamento de dados irregulares e inconsistentes no Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação - SIOPE que impedem a prefeitura de encaminhar o arquivo referente ao bimestre de 2017, impedindo o município de receber recursos federais.
A Prefeitura de Itacarambi está aguardando o resultado da Ação Ajuizada contra o ex-gestor, e está corrigindo os dados de 2013 a 2016, a partir da autorização do FNDE.

Corte de recursos
Quem não conseguir comprovar que investiu 25% do orçamento em educação fica inadimplente no Serviço Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias (Cauc) do governo federal. Com isso, deixa de receber recursos de transferências voluntárias da União e fica impossibilitado de firmar novos convênios com órgãos federais.
Siope
O Siope coleta, processa e divulga informações referentes aos orçamentos de educação da União, dos estados, do DF e dos municípios, com o objetivo de dar transparência aos investimentos em educação. Se o estado ou município não investir no mínimo 25% do seu orçamento em manutenção e desenvolvimento do ensino, o FNDE envia, automaticamente, um comunicado aos tribunais de contas estaduais e ao Ministério Público informando o não cumprimento da norma.
Por Assessoria de Comunicação da Prefeitura









Comentários

NOTÍCIAS EM DESTAQUE DA SEMANA

ÍNDICE DE SUICÍDIO DEIXA POPULAÇÃO DE ITACARAMBI ASSUSTADA.

Bebê encontrado em banheiro de hospital em Janaúba morreu afogado em vaso sanitário, aponta inquérito da Polícia Civil

O CÉU DE ITACARAMBI FICA BONITO COM REVOADAS DE POMBOS-CORREIOS.

Programa ACESSUAS TRABALHO de Itacarambi se destaca na comunidade e começa a mostrar frutos e criar rede de parcerias!