PF prende homem e mulher com R$ 3.500 falsos em Brasília de Minas; dinheiro foi adquirido em rede social e chegou por Correios

Parte do dinheiro apreendido pela PF em parceria com a PM — Foto: Polícia Federal / Divulgação

A Polícia Federal prendeu um homem e uma mulher com R$ 3.500 em cédulas falsas nesta segunda-feira (20) em Brasília de Minas (MG). A ação contou com o apoio da Polícia Militar. Essa é a terceira ocorrência desse tipo em menos de 15 dias.

Segundo a PF, o servidor público, de 36 anos, e a auxiliar de serviços gerais, de 42, adquiriam as notas por meio de uma rede social. Eles foram flagrados no momento em que recebiam o falso dinheiro na agência dos Correios.

Os dois foram levados pela PM para a delegacia da PF, em Montes Claros. Eles responderão pelo crime de moeda falsa, que tem pena máxima de 12 anos.

Luislândia

Na quarta-feira, dia 15 deste mês, policiais federais já haviam prendido dois homens, de 18 e 19 anos, pelo crime de moeda falsa. Segundo a PF, eles adquiriram R$ 1 mil em cédulas falsas por meio de aplicativo de mensagens na internet.

Três Marias

No dia 10 deste mês, o G1 noticiou a prisão de um homem de 28 anos em Três Marias (MG) com 15 cédulas de R$ 100 falsificadas. A prisão foi feita pela Polícia Federal com apoio das Polícias Civil e Militar.

Segundo as informações divulgadas pela PF, as investigações começaram há 90 dias, após a identificação de que ele iria receber uma grande quantidade de notas falsas. A PF afirmou que essa foi a maior apreensão de moeda falsa já feita na cidade. Os policiais encontraram ainda pinos de plástico.

O homem passou por exame de corpo de delito e foi levado para o presídio de Três Marias.

FONTE:G1 grande minas

Crime de moeda falsa pode gerar pena de 12 anos de prisão — Foto: Polícia Federal/Divulgação
apreensão em Luizlândia

Comentários