Gestante dá à luz com ajuda de equipe do Samu em Capitão Enéas

A técnica de enfermagem, Mônica Mota, e o condutor e socorrista, Jânio Silva, participaram da ocorrência. (Foto: Samu/Divulgação)
Socorristas do Samu realizaram o parto de uma gestante, de 26 anos, em Capitão Enéas, na madrugada desta terça-feira (20). De acordo com a técnica de enfermagem, Mônica Abreu Mota, o trabalho de parto começou dentro da ambulância e encerrou em uma sala de maternidade do hospital da cidade com o apoio da equipe de enfermagem. A gestante estava com 39 semanas de gravidez e o filho dela nasceu com 2.850 gramas.
"Quando chegamos, a gestante foi encontrada com sangramento intenso e contração a cada um minuto. De imediato, prestamos a primeira assistência e iniciamos o transporte até o hospital. No caminho, dentro da ambulância, o recém-nascido começou a 'coroar', dando início ao trabalho de parto. Demos o suporte, descemos com ela da ambulância e, dentro de uma salinha do hospital, realizamos o parto", explicou a socorrista. A tia da gestante foi quem acionou o Samu.
O parto aconteceu por volta de 1h30 e às 5h, mãe e recém-nascido foram entregues na Santa Casa de Montes Claros. Na manhã desta terça-feira (20), a assessoria de comunicação do hospital informou que os dois estão estáveis e passam bem.
"No momento do atendimento, a gestante nos relatou ter tido complicações na primeira gravidez. Também, nos disse que durante o pré-natal a criança foi diagnosticada com hidrocefalia. O bebê nasceu saudável, mas apresentava esforço respiratório. Já a mãe, continuou sangrando. Eles receberam os primeiras atendimentos do médico plantonista e, em seguida, foram transferidos para Montes Claros, também, pelo Samu", detalhou.
Além da técnica de enfermagem, o condutor e socorrista Jânio Silva também participou da ocorrência. O nome da criança ainda não havia sido escolhido. "Foi o primeiro parto que realizei nesta proporção. A gente sente uma gratificação porque no momento da dor, transmitimos segurança e até certo conforto ao paciente. Apesar da dor, o momento é de alegria", comemora a técnica de enfermagem

Comentários