SERVIÇO DE RESGATE AEROMÉDICO DO SAMU, PRESTA AUXÍLIO DE REMOÇÃO DE UM RECÉM -NASCIDO NA TARDE DESTA QUINTA-FEIRA(25) NO HOSPITAL GERSON DIAS DE ITACARAMBI.


A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, céu, avião, atividades ao ar livre e natureza
Na quarta-feira (24) uma paciente deu entrada no hospital Gerson Dias em trabalho de parto e teve séries complicações. Mas uma vez a secretaria de Saúde de Itacarambi presta um serviço assistencial na preservação da vida. Parabéns a equipe do médico Dr. Rogério que fez um trabalho de excelência, o médico e a equipe tiveram que acionar o serviço emergencial aéreo do SAMU para o resgate do bebe que nasceu com quase 5 quilos foram quase 5 horas de procedimento para o resgate do recém-nascido        Sabendo que a saúde das pessoas é o bem mais precioso delas, e quando se trata de algum problema de ordem médica, é sabido que esperar, na maioria das vezes, pode acabar piorando a situação do paciente.                                                           
Assim como já fez várias vezes, a prefeita de Itacarambi, Nívia Maria, que também é médica, hoje, repetiu a dose, essa foi uma situação inusitada e nossa prefeita surpreendeu a população, destinando o seu tempo para diminuir a demanda reprimida, diante de uma situação tão incomum dentro desse hospital.                                                                                                                                O helicóptero fez pouso no campo society de frente da rodoviária,   e toda a equipe do hospital Gerson Dias se mobilizou para prestar a devida assistência para toda operação.                                                                         
 Com relação ao serviço prestado pelo SAMU, a base para receber o helicóptero adquirido pela Secretaria de Estado de Saúde do Governo de Minas Gerais funciona em uma área integrada cedida pela Polícia Militar no Aeroporto Mário Ribeiro. O local passou por reformas para se adequar às normas exigidas pelo Ministério da Saúde e já recebeu móveis, equipamentos eletrônicos e o sistema para a regulação dos chamados.                                                                                                                           Dois militares do Corpo de Bombeiros que pilotarão a aeronave chegaram de Belo Horizonte para compor a equipe há cerca de 40 dias. O helicóptero atenderá os casos de urgência e emergência que demandarem necessidade de equipe médica em locais de difícil acesso, acidentes em Rodovias, assim como transporte de órgãos e tecidos e transferências inter-hospitalar. O serviço é acionado através do telefone 192 e 193 e os casos sãoregulados pela equipe médica do SAMU Macro Norte, que indicarão a necessidade do atendimento em conformidade com os pedidos da população. A nova ferramenta traz agilidade aos serviços de urgência e emergência realizando o resgate de vítimas em áreas remotas e a transferência de pacientes.                                                                                                                                                                                                                                                                           A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, bicicleta, céu e atividades ao ar livre                                    Como funciona:                                                      O funcionamento do aeromédico leva em consideração o Decreto nº 5.055, de 27 de abril de 2004, que institui o SAMU, em municípios e regiões do território nacional; a Portaria n° 1.010/GM/MS, de 21 de maio de 2012, que redefine as diretrizes para a implantação do serviço e sua Central de Regulação das Urgências; a Portaria nº 804/SAS/MS, de 28 de novembro de 2011, que estabelece a necessidade de identificar no Sistema de Cadastro Nacional dos Estabelecimentos de Saúde (SCNES) as Centrais de Regulação Médica das Urgências e as equipes de atendimento do atendimento aéreo; e a Portaria do Ministério da Saúde nº 356, de 8 de abril de 2013, que redefiniu o SCNES.                                                        
O aeromédico obedece às regulamentações da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), no que se refere à composição mínima da equipe e que deve ser formada por médico, enfermeiro e tripulação de voo. A equipe do aeromédico também segue os protocolos de PE1, PE2 e PE3, que tratam dos aspectos gerais de segurança da cena, regras gerais de biossegurança e práticas para segurança.
Nada mais que UNIÃO, TRABALHO E TRANSPARÊNCIA!                                                                                      A população de Itacarambi agradece!
POR ASCOM DA PREFEITURA
A imagem pode conter: 2 pessoas, bicicleta e atividades ao ar livre
A imagem pode conter: 1 pessoa, atividades ao ar livre
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e atividades ao ar livre
A imagem pode conter: céu, avião, atividades ao ar livre e natureza
A imagem pode conter: avião, céu, atividades ao ar livre e natureza
A imagem pode conter: céu, nuvem e atividades ao ar livre


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MOÇA É ASSASSINADA COM REQUINTE DE CRUELDADE NA CIDADE DE ITACARAMBI.

TRAGÉDIA NA BR 135 EM ITACARAMBI, DUAS VÍTIMAS FATAIS.

DOIS HOMICIDIOS EM MENOS DE 24 HORAS EM ITACARAMBI.