Por causa de dívida, mulher é morta com mais de 10 facadas e tem a língua decepada em Taiobeiras

Um homem de 29 anos foi preso, nessa sexta-feira (24), suspeito de matar com mais de 10 facadas uma mulher, de 41, em Taiobeiras, no Norte de Minas. O crime foi na última quarta-feira (15) e o corpo da vítima foi encontrado dentro de casa pelo ex-namorado na sexta (16); ela estava com um fio elétrico enrolado no pescoço. De acordo com as investigações da Polícia Civil, após matar a mulher, ele cortou a língua e colocou em cima do ombro dela. A polícia ainda investiga o envolvimento de outras pessoas no crime.O homem foi preso em casa mediante mandado de prisão e confessou o assassinato. Segundo a PC, a mulher era agiota e o suspeito estaria devendo R$ 3 mil para ela. Ele contou aos policiais que estava sendo ameaçado por conta da dívida e combinou de ir na casa da vítima fazer o pagamento, porém levou apenas R$ 1 mil. Após se desentenderem por conta da quantia, ele cometeu o crime.O suspeito fugiu do local levando o celular da vítima e faca usada no homicídio. No dia do assassinato, a polícia informou que as portas de armários e guarda-roupas da casa estavam abertas e vários objetos foram jogados no chão. No imóvel, foram apreendidos dinheiro dentro de um envelope de depósito.
O homem foi encaminhado ao presídio de Taiobeiras.(G1 GRANDE MINAS)

Comentários